ff


Clique Aqui!

Clique Aqui!

Clique Aqui!

Google
 
 
 

TURISMO

Fundação Érico Veríssimo

Residência onde nasceu o escritor cruzaltense, sendo que o local possui objetos pessoais, além de suas obras.

Av. General Osório, 380
CEP: 98005-150
Fone 55 3322 6448
e-mail: smc.fev@gmail.com

Monumento de Fátima

Erguido num pedestal de 31 metros de altura.

Casa de Cultura Justino Martins

O local abriga o Arquivo Histórico do município, amplo auditório e espaço para exposição de arte.

Parque Integrado de Exposições

Área de lazer com pistas de rodeio, casas das etnias. É sede dos principais eventos do município.

Cascata Nossa Senhora da Conceição

Fica a 10 Km da cidade

Marco Inicial

É uma cruz que fica no mesmo local onde os habitantes primitivos ergueram a primeira cruz na região.

Brique Praça da Bandeira

Artesanato local, obras de arte, antigüidades, culinária caseira, oficinas de recreação e show com artistas locais. Acontece todos os domingos das 9h às 13h.

Monumento à Cuia

Monumento à Lenda da Panelinha

EVENTOS

JANEIRO

19 a 30 - Cavalgada Ana Terra
13 - 1º Baile Municipal de Fantasias
27 - Escolha Rainha e Rei Momo

FEVEREIRO

17 - Escolha da Rainha Regional do Carnaval e Concurso Regional de Fantasias
24 a 27 - Desfile de Blocos e Escolas de Samba
27 - Carnaval D'Água

MARÇO

03 - Baile Municipal de Enterro dos Ossos
31 - Lançamento oficial da Coxilha Nativista

MAIO

01 - Rústica Operária

JUNHO

Festival do Estudante Municipal Data a ser definida

JULHO

26 a 29 - 21ª Coxilha Nativista ( Fase Local, Estadual e Coxilha Piá)  Festival Nativista Estadual

AGOSTO

11 a 18 - Semana do Município
15 - Minimaratona do SESC/SETUR/UNICRUZ

SETEMBRO

01 a 07 - Semana da Pátria
14 a 20 -Semana Farroupilha
16 a 19 - 19ª Mateada em Praça Pública

OUTUBRO

14 - 50ª Romaria ao Monumento de Fátima

DEZEMBRO

10 a 23 - 6º Natal Iluminado

DISTÂNCIAS

Porto Alegre      346 Km

Ijuí         43 Km

Passo Fundo      140Km

Santa Maria        132 Km

Santo Ângelo         92 Km

Uruguaiana         437 Km

Florianópolis   826 Km

São Paulo 1.459 Km

Buenos Aires 1.460 Km

Montevidéu 1.360 KM

Assunción 1.260 Km

RESTAURANTES

Restaurante Boa Vista
Rua Gal. Osório, 1759   Fone (54) 3324-1138

Paladar  3322-5020

Restaurante do Miguel  3322-7518

Clube Internacional  3322-7735

Forno e Fogão  3322-6867

Boun Mangiari  322-3146

Tchá, Tchá, tchá   3322-3908

Nosso Bar   322-4685

Pampeano   3322-8305

Galeteria O Porão   3322-2661

Cantina Mangiari   3322-4513

HOTÉIS

Hotel Santa Helena (55) 3332-7433

Pousada Santa Helena (55) 3322-7396

Hotel Fazenda (55) 3322-8002

Hotel Steinbrenner (55) 3322-8158

Hotel Califórnia (55) 3322-4080

Hotel Linassi (55) 3322-1404

Hotel dos Viajantes (55) 3322-7942

Rosmer Hotel (55) 3322-6464

Hotel Cerezer (55) 3322-5168

Pousada dos Estudantes (55) 3322-4680

 

Um pouco da história de Cruz Alta

(Fonte: Jornal Tribuna das Cidades e Alto Jacuí)

A história de Cruz Alta é uma das mais ricas dentre todas as outras cidades do Rio Grande do Sul. Aliás, em alguns momentos ela se confunde com a própria história do Estado e, até mesmo, do Brasil. Ela já foi contada de várias maneiras através dos tempos. Historiadores importantes como Josino dos Santos Lima, Isaltina do Pillar Rosa, Prudêncio Rocha e, mais recentemente, Rossano Cavalari, cada um à sua maneira, vêm contribuindo para que ela não se perca e não se distorça. Já tivemos livros, trabalhos e artigos sobre fatos, personagens, aspectos políticos, sócio-econômicos, arquitetônicos etc., todos eles importantíssimos e de valor inestimável. Outra forma de preservarmos a memória da história é através de imagens, dinâmicas ou estáticas.

Não fossem as imagens, a memória visual dos locais e personagens importantes da historia jamais seriam conhecidos pelas gerações subseqüentes. Primeiramente se deu a partir de desenhos e pinturas. Mas depois, pelo surgimento da fotografia, em 1826, na França, a história pôde ser contada com mais precisão e fidelidade. E mesmo com as distâncias colossais entre os continentes na época, comparadas às de hoje, quando temos acesso praticamente automático com tudo o que acontece no planeta, CruzAlta não tardou tanto a ficar sem ter a oportunidade de ser fotografada. Já há registros fotográficos da cidade ainda no século 19, com fotos datadas em torno de 1880.

Já se disse: "... A fotografia é uma "máquina do tempo",pela forma na qual nos leva ao passado... É o veículo mais memória... Nenhuma outra forma de expressão artística é tão contundente, tão profunda, tão exata, tão crua, ou tão emotiva como uma fotografia. " E Cruz Alta , com as suas, se insere nisso tudo.

No Projeto Nossa Velha-Nova Cruz Alta tentamos resgatar essa Cruz Alta registrada no papel, transformando-a em bites digitais que, distribuídas para milhares de pessoas através da internet, acabam se eternizando. Através de pesquisas, "garimpagens" e doações de "retratos" antigos temos condições de "salvar" centenas, quiçá milhares de exemplares condenados ao esquecimento e à destruição. Neste projeto, paisagens e prédios antigos são comparados com os atuais, de modo que num simples clique do teclado podemos viajar por mais de 100 anos, analisando de uma maneira objetiva o contraste dos tempos.Às vezes boas surpresas são constatadas, quando vemos prédios históricos preservados, mas, não raro, denunciamos a destruição da memória arquitetônica original, geralmente pela substituição de belos prédios antigos por outros de muito menor beleza, quando não, sinceramente feios.

 


www.ufo.tv.br

 

WM INTERNET